Crianças com autismo beneficiam do uso de tablets

Mesmo com acompanhamento, muitas crianças com autismo continuam a ter grandes dificuldades com a comunicação, mas uma nova investigação sugere que usar iPads e outros tablets pode ajudar a desenvolver as competências de linguagem.

tablets autismo

Num estudo envolvendo 61 crianças com autismo com idades compreendidas entre os 5 e os 8 anos, os investigadores concluíram que aquelas que tiveram acesso a terapia usando um tablet com uma aplicação que reproduz a voz humana tiveram” melhorias rápidas e significativas” no uso da linguagem, ultrapassando largamente os progressos de crianças que participaram apenas em sessões de tratamento.

Todas as crianças envolvidas no estudo tinham mínimas competências verbais e participaram em duas ou três horas de terapia por semana durante seis meses, com foco no desenvolvimento da linguagem, competências lúdicas e interacção gestual.

Como complemento à terapia, metade das crianças receberam um tablet com uma aplicação que reproduz a voz humana, para usar durante as sessões. A aplicação foi programada com imagens de objectos usados na terapia, o que permitia que uma crianças tocasse na imagem e ouvisse uma versão áudio do nome do objecto.

As crianças que usaram os tablets demonstraram maior tendência para usar a linguagem sozinhas, de acordo com os resultados publicados recentemente no Journal of the American Academy of Child and Adolescent Psychiatry.

“Foi notável a forma como o tablet funcionou, permitindo o acesso destas crianças à comunicação”, disse Connie Kasari da University of Califórnia, Los Angeles, que trabalhou no estudo. As crianças que receberam a intervenção comportamental juntamente com o tablet para dar apoio às suas tentativas de comunicação fizeram progressos muito mais rápidos na aprendizagem da comunicação, e especialmente na utilização da linguagem verbal.

As crianças pareciam ter retido as novas competências quando vieram fazer um follow-up três meses depois do período do estudo, afirmaram os investigadores.

A incorporação dos tablets foi mais eficaz quando estes foram introduzidos desde o início do tratamento.

Este texto foi traduzido a partir do artigo publicado no site Disability Scoop.

Veja o artigo original aqui .

 

 

 

2 Responses to “Crianças com autismo beneficiam do uso de tablets”

  • Dinis rocha GomesDezembro 14, 2015 at 8:03 am Responder

    O dinis é autista só agora começou a ter interesse por tablet aplicação ABC autismo samsung.
    Gostava de orientação para adquirir um equipamento anti chok e aplicações puzzles!

    • Inês CabritaDezembro 30, 2015 at 5:58 pm Responder

      Olá pais do menino Dinis, gostava de os poder ajudar na questão que colocaram, trabalho diariamente com crianças com autismo e uso com alguma frequência o tablet e aplicações educativas com muito sucesso.

      As capas para tablet mais seguras são da gama survivor, podem ser encomendadas pela internet e são espectaculares, com elas é impossível partir o ecrã ou colocar em risco o equipamento quando manuseado por crianças.

      Existem muitos puzzles divertidos, interessantes e personalizáveis no que diz respeito ao grau de complexidade. A oferta é tão grande que às vezes a escolha fica mais complicada.
      Pode começar por pesquisar puzzles gratuitos com temas que costumam interessar ao Dinis (animais, transportes, letras…) depois é uma questão de experimentar para ver a sua reacção.

      Um dos meus favoritos é o live puzzle (puzzle animado), que pode encontrar tanto para ipad como tablet android. se quiser saber mais sobre esta app, pode clicar em:

      //aprendercomosdedos.com/2014/07/23/157/

      Convido-o a ler este artigo, onde poderá encontrar mais informações acerca das capas e aplicações disponíveis que possam interessar ao seu filho.

      //aprendercomosdedos.com/2015/12/30/criancas-com-autismo-e-tablet-3-passos-para-o-sucesso/

      Espero ter conseguido ajudar,
      Inês Cabrita, técnica de Educação Especial e Reabilitação do Centro de Desenvolvimento Infantil Diferenças e autora do blog Aprender na Ponta dos Dedos.

Leave a Comment

Partilhe :)