A carregar Eventos

« Todos os Eventos

  • Este evento já decorreu.

Terapia Ocupacional nos Contextos de Desempenho – Porto

Setembro 15 * 10:00 am - 6:00 pm

MODALIDADE DA FORMAÇÃO:

Formação Contínua

ÁREA DE FORMAÇÃO:

Terapia e Reabilitação

ENTIDADE PROMOTORA:

 

ENTIDADE FORMADORA:

 

DESTINATÁRIOS

Terapeutas ocupacionais e estudantes de Terapia Ocupacional

DURAÇÃO:

7 horas (10-13h30 / 14h30-18h00)

ENQUADRAMENTO:

A intervenção da Terapia Ocupacional no ambiente de desempenho é cada vez mais relevante em Portugal, um país onde, precisamente por existirem múltiplas carências, há também espaço para os terapeutas ocupacionais crescerem como profissionais e diversificarem as suas abordagens, colaborando no apoio ao doente e ao cuidador no domicílio; na prestação de serviços inovadores às instituições; na adaptação de habitações onde seja possível envelhecer em segurança; na criação de postos de trabalho adaptados a pessoas com todos os tipos de constituição física, com ou sem deficiência; na prevenção de doenças profissionais; no apoio à criação de espaços públicos acessíveis a todos e em tantas outras situações. Compreender as especificidades da intervenção no ambiente de desempenho permite ao terapeuta ocupacional repensar a sua abordagem e considerar novos rumos para a sua actividade profissional.

ORGANIZAÇÃO DA FORMAÇÃO:

Presencial

LOCAL:

Estrategor, Avenida Boavista 3523, 4º. Andar, Sala 404
4100-139
Porto

OBJECTIVOS GERAIS:

No final da formação os formandos deverão avaliar os ambientes de desempenho e as ocupações de acordo com as características da pessoa, de modo a proceder às adaptações necessárias a um desempenho satisfatório e saudável.

OBJECTIVOS ESPECÍFICOS:

  • Saber saber

Indicar os principais factores distintivos da intervenção no contexto de desempenho

Categorizar os contextos de desempenho de acordo com as diferentes áreas de desempenho

Identificar barreiras ao desempenho

  • Saber fazer

Seleccionar os dados relevantes para a avaliação de desempenho e dos contextos

Seleccionar as adaptações mais adequadas em cada caso

Seleccionar os tipos de produtos de apoio e de comunicação alternativa mais indicado(s) para cada caso

Adaptar a ocupação e o contexto de acordo com as características de cada caso

Preparar o processo de intervenção de modo a incluir na abordagem outros agentes  (cuidadores formais e informais, empregadores, entre outros)

  • Saber ser

Reconhecer os benefícios da intervenção nos ambientes de desempenho

Assumir a condição de profissional de referência para avaliar e adaptar ambientes de desempenho às características individuais de cada pessoa

Assumir uma postura crítica face  à própria prática profissional

CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS:

  • Áreas de desempenho
  • Causas de alterações ao desempenho
  • Consequências da inadaptação dos contextos de desempenho e/ou das ocupações:
    • Privação Ocupacional
    • Auto-estima/auto-conceito
    • Segurança
    • Ambiente social
  • Intervenção nos ambientes de desempenho:
    • Domicílio
    • Ambiente profissional
    • Comunidade
  • Adaptação dos ambientes de desempenho
  • Adaptação de tarefas, actividades ou ocupações
  • Dimensões da avaliação da intervenção
    • A casa
    • O local de trabalho
    • Socialização
    • Reconhecimento e valorização pessoal
    • Os cuidadores
    • A comunidade
  • Exploração de casos práticos

METODOLOGIA DE FORMAÇÃO:

Métodos utilizados: expositivo, interrogativo e activo

METODOLOGIA DE AVALIAÇÃO:

Na presente formação a avaliação de aprendizagens será constituída por:

1) Avaliação formativa:

-Componente de observação- observação directa dos formandos, com resultados registados em ficha de observação.

Aspectos a avaliar: atenção, participação individual, participação de grupo, domínio dos conteúdos e aplicação dos conteúdos a casos específicos.

2) Avaliação sumativa:

-Teste de selecção ou resposta fechada, do tipo escolha múltipla.

ASSIDUIDADE DOS FORMANDOS:

Uma vez que a organização da formação é presencial e a mesma tem a duração de apenas 7 horas, os formandos deverão comparecer a 100% do tempo total da formação. Essa assiduidade é verificada através da assinatura da respectiva folha de presenças. Os atrasos superiores a 15 minutos, relativamente aos horários estabelecidos (período da manhã e período da tarde), carecem de justificação. Compete ao Coordenador de cada formação a aceitação de justificações de faltas apresentadas pelos formandos, registando na folha de presenças se a mesma será justificada ou não.

CONDIÇÕES DE CERTIFICAÇÃO FINAL:

Aos formandos será entregue um certificado de formação certificada.

RECURSOS DIDÁTICOS/PEDAGÓGICOS:

-Computador
-Powerpoint
-Datashow
-Vídeos
-Materiais exemplificativos

RECURSOS FÍSICOS:

Instalações e equipamentos específicos adequados à realização da formação.

FORMADOR:


António Marques – Terapeuta Ocupacional com experiência no tratamento e aconselhamento especializado a pessoas com mais de 65 anos. Exerce funções como terapeuta ocupacional do Hospital Ortopédico de Sant’Anna e como colaborador da Escola Superior de Saúde de Alcoitão. Formador credenciado (CAP) pelo I.E.F.P., é coordenador de formação e co-fundador da Eu Consigo, onde assume funções de planeamento estratégico, bem como a supervisão e coordenação técnica da equipa.

VALOR:

[NORMAL] Inscrições/pagamentos realizados até 5 de Setembro:

-Sócios APTO- 85€

-Não sócios – 93,5€

[TARDIAS] Inscrições/pagamentos realizados a partir de 5 de Setembro :

-Sócios APTO- 90€

-Não sócios – 99€

Dados de pagamento:

Titular: Associação Portuguesa de Terapeutas Ocupacionais
IBAN: PT50 0033 0000 0000 9554 0160 5


 

Organizador

Associação Portuguesa de Terapeutas Ocupacionais

Local

Estrategor
Avenida Boavista 3523, 4º. Andar, Sala 404
Porto,4100-139Portugal
+ Mapa do Google
Telefone:
226 162 971
Site:
www.estrategor.pt

Subscreva a nossa newsletter

Copyright 2012 - Eu Consigo. All Rights Reserved Em caso de litígio o foro competente será o Centro de Arbitragem de Conflitos de Consumo de Lisboa

scroll to top

Partilhe :)

  • Email
  • Facebook
    Facebook
  • LinkedIn